Compartilhar share

Outubro rosa, atenção especial ao câncer de mama

Publicado em 13/10/2021 às 15:30 - Atualizado em 13/10/2021 às 15:30

Dr. Fernando Vequi Martins - CRM/SC 13340 – RQE/SC 9867, mastologista credenciado ao Consórcio Intermunicipal de Saúde – Cis-Amures passa um grande recado sobre o câncer de mama, neste mês que é dedicado ao cuidado das mulheres, o outubro rosa.

Dr. Fernando orienta, que toda mulher que menstrua na puberdade deve ter as mamas examinadas por um profissional médico de maneira anual, apesar que a incidência de câncer de mama é menor para mulheres abaixo dos 40 anos.

Mas, se a mulher quiser completar o exame médico de acordo com a faixa etária com o autoexame, o melhor dia é no sétimo dia do ciclo menstrual e para as que não menstruam, podem escolher um dia do mês e fazer o autoexame.

Alterações que se deve ficar atenta quando faz o autoexame, como bolinha ou caroço independente se é doloroso ou não, alterações da pele ou inflamações, secreção fora do habitual pelo bico do peito, feridas na mama, alterações palpáveis nas axilas e lesões no mamilo, que devem ser observadas e procurar o seu médico.

Dr. Fernando diz que o anticoncepcional não causa o câncer de mama e que é mito achar o câncer de mama é uma doença hereditária ou genética, somente 10% dos cânceres de mama tem uma relação familiar, ou seja, a maioria das doenças ocorrem ao acaso, não existe uma transmissão. Um dos fatores de risco são de meninas que começam a menstruar muito cedo, o cuidado deve ser maior.

“Existem cânceres que são mais agressivos, outros menos agressivos, existem alguns tratamentos que funcionam para algumas pessoas e outros para os demais, hoje em dia o tratamento não é uma receita de bolo, é preciso individualizar o tratamento de acordo com as condições clínicas da paciente, independente do tipo de câncer o tratamento deve ser individualizado aumentando as possibilidades de cura”, explica Dr. Fernando

 

Por Assessoria de Comunicação Cis-Amures